CDI - Grão

O que é CDI? Como ele afeta seu bolso e investimentos?

Você certamente já ouviu falar do CDI, certo? Esta sigla é muito utilizada para falar sobre o rendimento de contas remuneradas, como a da Grão e CDBs, por exemplo.

A taxa CDI, de fato, pode ser uma grande aliada nossa para fazer o nosso dinheiro se multiplicar. Por isso, é importante que você a conheça bem e saiba qual é o seu rendimento.

Ao longo deste artigo, vamos explicar exatamente isso: o que é o CDI e como ele afeta o seu bolso e os seus investimentos. Então, vamos lá?

O que é CDI?

Em resumo, CDI significa Certificado de Depósito Interbancário. Em outras palavras, ele é um empréstimo que os bancos fazem entre eles para fechar o caixa do dia no positivo.

A saber, existe uma regra do Banco Central brasileiro que os bancos nunca podem fechar um dia com um caixa negativo. Mas como funciona isso?

Bom, os bancos estão o tempo todo recebendo depósitos e emprestando dinheiro. No entanto, eles contam com que sempre haja mais dinheiro depositado do que emprestado.

Mas, caso essa lógica não se confirme, e ao final do dia, o banco tenha mais dinheiro emprestado do que depositado em seu caixa, ele toma empréstimo de outro banco.

Este empréstimo tomado com outro banco, com toda a certeza, possui juros. E essa taxa de juros é a taxa DI, que também chamamos de taxa CDI.

CDI - Grão
Crédito: Pexels

Investimentos CDI

Além de ser cobrado entre um banco e outro, o CDI também rege os investimentos feitos por pessoas físicas, clientes do banco.

Isto é, se você coloca o seu dinheiro em uma conta remunerada, como a da Grão, você será remunerado por essa taxa. 

Assim, recebe até 100% do CDI em cima do valor que está na conta Grão. E o melhor, tudo isso com liquidez imediata. Ou seja, com você pode tirar o dinheiro quando quiser.

Da mesma forma, se você comprar um título de CDB, você vai receber uma porcentagem do CDI de juros também. Entretanto, a liquidez não é imediata e varia de título para título.

Neste caso, ao comprar um CDB, você estará emprestando o seu dinheiro a grandes bancos. Vamos explicar melhor sobre esses títulos mais abaixo.

Quando o CDI aumenta? 

Agora que você já sabe como o CDI pode ajudar a engordar o seu rico dinheirinho, aposto que também quer saber como ele aumenta, certo?

Bom, quem define, calcula e divulga a taxa DI é a Central de Custódia e Liquidação Financeira de Títulos Privados (Cetip).

Ou seja, a Cetip é responsável por registrar as transações financeiras dos empréstimos entre os bancos. 

Por isso, ela já calcula a taxa automaticamente e divulga diariamente para o mercado. Mas, apesar do cálculo diário, dificilmente ele apresenta grandes flutuações.

Como o CDI é uma taxa de juros e a taxa básica do nosso país é a Selic, é nela que ele se baseia. 

Isso significa que se a Selic subir, o CDI também aumenta. Como consequência, a rentabilidade dos investimentos atrelados ao DI aumenta também.

Selic e CDI

Ele sempre é um pouco menor do que a Selic. Geralmente -10 pontos. Mas por que o CDI é menor que a Selic?

Bom, os grandes bancos têm poupança, certo? O dinheiro da poupança fica investido em forma de títulos públicos, que têm rendimento atrelado à Selic.

Desta forma, a Selic é a taxa média que os bancos tomadores de empréstimos conseguem quando deixam seus títulos públicos como garantia de que vão pagar mesmo o crédito. 

Já o CDI é a taxa de juros dos empréstimos que não possuem esses títulos públicos como garantia. 

Dessa forma, se ele está mais alto que a Selic, significa que os bancos estão pegando dinheiro emprestado sob uma taxa menor. E emprestando cobrando uma taxa maior.

Isso pode acontecer, mas é raro, porque a concorrência entre os bancos acaba fazendo com que o CDI baixe e ele fique igual ou um pouco menor que a Selic.

Afinal de contas, o banco que oferece a menor taxa de juros consegue ter mais clientes, certo?

Para entender melhor sobre a relação entre CDI e Selic, confira nossa matéria exclusiva sobre isso.

CDI - Grão
Crédito: Pexels

Qual é o CDI hoje?

A taxa CDI hoje, no dia em que este texto está sendo escrito, é 4,15%. Para título de comparação, a Selic está em 4,25%, justamente 10 pontos acima.

Além do CDI diário, temos também o CDI mensal, que é a média dos 30 ou 21 CDIs diários daquele mês.

CDI acumulado

Nós temos também o CDI anual, que representa o acumulado das taxas diárias ao longo dos 12 meses do ano.

O CDI 2021, por exemplo, será o acumulado dos mensais ao longo do ano, que até agora foram:

  • Janeiro: 0,15%;
  • Fevereiro: 0,13%;
  • Março: 0,20%;
  • Abril: 0,21%;
  • Maio: 0,27%;
  • Junho: 0,31%.

Considerando os valores de janeiro a junho, por exemplo, o CDI anual até então está em 1,28%.

Calculadora DI

Caso você queira calcular a taxa DI, é possível usar uma calculadora de renda fixa.

Grão rende até 100% do CDI

Como você viu, lucrar com a taxa DI pode ser uma ótima alternativa. E fazer isso com a Grão é ainda melhor, afinal, você consegue controlar o dinheiro de forma fácil.

No aplicativo da conta Grão, além de poder realizar pagamentos e transferências e ter direito a um cartão de débito, você também pode criar metas para o seu dinheiro.

Dessa forma, é possível separar o dinheiro guardado para cada objetivo. E receber lembretes todos os meses para guardar mais.

Seu dinheiro na Grão rende 100% do CDI automaticamente. Basta depositar! E o melhor: este rendimento é superior ao da poupança, que rende 70% da Selic.

Outra vantagem de deixar o seu dinheiro na Grão é que ele rende todos os dias. Enquanto na poupança ele rende apenas no aniversário, ou seja, ao final de um mês depositado.

CDB e CDI

Muita gente confunde CDI com CDB. Mas afinal, qual a diferença? Basicamente, o primeiro é uma taxa, enquanto o CDB é um título de investimento.

CDB significa Certificado de Depósito Bancário. Ele é um título de dívida entre bancos. Ao comprar, você está emprestando o seu dinheiro para este destino.

Quando você compra um título de CDB, você recebe de rendimento uma porcentagem da taxa DI.

Confira mais sobre a diferença entre CDB e CDI.

CDI - Grão
Crédito: Pexels

Mais dúvidas

O CDI é igual à Selic?

Não. Ambos são taxas de juros, mas possuem valores diferentes. Geralmente o CDI fica um pouco abaixo da Selic em valores.

A taxa DI é relativa aos bancos, às transações interbancárias. Já a Selic é a taxa de juros base da economia, relativa ao governo do Brasil. 

CDI é renda fixa?

Ele é uma taxa de juros, não um tipo de investimento. Por isso não podemos dizer que ele é renda fixa. Porém, geralmente ele é o parâmetro atrelado a investimentos em renda fixa, como CDBs.

CDI é melhor que poupança?

Se considerarmos um rendimento de 100% do CDI ou mais, sim, é melhor que a poupança. Isso porque a poupança rende, hoje, 70% da taxa Selic.

Apesar de a Selic ser um pouco maior que o CDI, quando colocamos nestas porcentagens, o CDI supera a poupança.

Conclusão

CDI, Selic, Taxa Referencial… o universo financeiro possui diversos termos que, à primeira vista, podem assustar.

Porém, é importante aprender o significado destas siglas e perceber que não se trata de um “bicho de sete cabeças”.

Agora que você já sabe que o CDI é a taxa de juros usada por bancos, fica mais fácil entender o cálculo feito no rendimento do seu dinheiro na Grão. E também em CDBs. Boa sorte nos seus investimentos!

E se você quer melhorar suas finanças, conte com a Grão, a conta digital para guardar dinheiro. Todos os dias trazemos dicas de educação financeira nas nossas redes sociais: Instagram, Facebook e YouTube.

Por fim, baixe grátis o aplicativo Grão e comece agora a juntar dinheiro! Com o Pix, você transfere mais rápido e sem pagar nada. O app é gratuito e está disponível nas principais lojas de aplicativos Google Play ou App Store.

Leia também

Deixe seu comentário

Comece a poupar com a Grão