Sistema de recompensa

Sistema de recompensa

Saiba o que é o Sistema de Recompensa que você (e todos os seres humanos) tem e que influencia suas decisões de consumo.

Sabemos que nosso cérebro é uma máquina complexa e cheia de estruturas quase que intermináveis de neurônios, mas o que o dinheiro tem a ver com isso? E o sistema de recompensa, o que seria isso?

Antes de explicar um pouco mais a respeito dessa relação, vamos voltar um pouco às aulas de biologia. Quem não gostava dessa aula, segura as pontas aí porque agora vamos fazer um pequeno flashback das aulas que tínhamos no ensino médio e explicar o que é sistema de recompensa.

Sabe aquela satisfação de quando você conquista um objetivo e se recompensa por isso, como por exemplo: um trabalho de grande demanda concluído, não deixar de ter ido a academia, ter conseguido dormir mais cedo ou até mesmo ter feito as pazes com as suas finanças, então, essa sensação é um estímulo causado dentro do cérebro e é conhecido como sistema de recompensa e funciona assim:

Sabe a dopamina? Você já deve ter ouvido falar muito dela na aula de biologia e de educação física. Ela é um neurotransmissor responsável por proporcionar a você uma experiência prazerosa, e isso só acontece porque temos uma área bem antiga do cérebro – a área tegmental ventral. Quando seus impulsos biológicos falam mais alto, é culpa dela pois exerce uma força biológica bem grande.

“Mas o que o sistema de recompensa tem haver com isso?”

TUDO! 

Porque é graças a esse neurotransmissor que o sistema todo acontece. Vê só, vamos exemplificar melhor dando exemplo com comida – alguém aqui pensou em chocolate?! :9

Cenário:

Depois do almoço sempre dá aquela vontade enorme de comer uma sobremesa gostosa né? E logo vem em mente o quê? Isso mesmo, o chocolate!

Chocolate tem grandes propriedades e uma capacidade enorme de dar prazer para quem come. Em uma mordida e degustação ao paladar é liberado no cérebro a serotonina, um outro neurotransmissor responsável por trazer a sensação de bem-estar, e por estar também na área tegmental ventral, acaba que deixando as pessoas apaixonadas por chocolate, as famosas chocólatras.

Com os chocólatras o sistema de recompensa é muito presente porque se dependesse deles, estariam o tempo todo comendo chocolate. Isso porque a guerrinha entre a tegmental ventral é mais forte em cima do córtex pré-frontal, a modulação mais baby presente em nosso cérebro que desempenha o papel da razão. Como os chocólatras agem muito pela emoção quando diz respeito ao chocolate, já dá pra entender o porquê da guerrinha entre a tegmental e o pré-frontal, né? Hahaha

Bom, feita essa análise de cenário com o chocolate, vamos agora ao dinheiro que funciona basicamente da mesma forma.

Cenário:

Dinheiro na conta, boletos do mês para pagar. Próximo passo: pagá-los!

Na finalização de todo o pagamento, você não sente um ar de alívio, de bem-estar, de um ufa saindo da sua boca? Não é bom sentir isso e saber que está com tudo em dia, que se planejou para realizar esses pagamentos e que seu dinheiro está sendo controlado corretamente?

twitter_boleto_pago

Sacou a ligação?

Todo esse sentimento e calorzinho gostoso do ufa é justamente por conta dessa troca de dopamina entre as duas modulações. Pagar tudo em dia e ter dinheiro no final do mês por exemplo, são os chocolates desse cenário.

Você sente prazer em cuidar da sua vida financeira e seu cérebro registra essa relação como um momento prazeroso e que isso deve ser feito mais vezes. É a motivação aliada com o prazer de se manter bem, recompensado.

A partir disso, esse sistema de recompensa é muito importante porque incentiva na busca por comportamentos ligados a essa sensação de bem-estar, e nesse caso, sensação de bem-estar com o seu bolso. Visto que muitas recompensas podem ser abraçadas através do dinheiro, porém esse sistema também tem seu lado negativo

Cenário: Você teve um dia cheio de tarefas do trabalho para realizar, e por ter tido um dia muito cheio, você considera ser muito merecido comprar aquela jaqueta que sempre quis mesmo com dívidas ou até mesmo sem nenhum dinheiro na conta. 

CUIDADO, porque é nesse ponto que o sistema de recompensa pode ser traiçoeira com sua mente. Por mais que esse momento seja porque prazeroso no momento de compras independente da situação, deve ser evitada.

Comeessa interpretação do dinheiro, existem também formas de alimentar ainda mais o seu sistema de recompensa. Vamos apresentar aqui três dessas formas se baseando nas ferramentas do app Grão:

Organizador

Essa ferramenta tem o propósito de incentivar você a organizar suas finanças. Tudo que entra e tudo que sai, o organizador está pronto para ser usado e te ajudar da melhor forma a organizar o seu dinheiro e pagamentos.

Efeito colateral: Grande sensação de dever cumprido e o sentimento gostosinho de casa arrumada com tudo no seu lugar. Sentir que realmente estar apto para administrar as finanças do próximo mês.

Objetivos

De forma simples, essa ferramenta te ajuda a focar nos seus sonhos independente do período do prazo. Traçando seus objetivos no app Diin, você vai perceber que nunca foi tão fácil abraçar os seus sonhos.

Efeito colateral: motivação e perspectiva de futuro para conquistá-la.

Rendimento

É bem um “vendo pra crer”, e acompanhar o rendimento do seu dinheiro mostra que não é conversa fiada e te incentiva a guardar cada vez mais.

Efeito colateral: satisfação em ver o dinheiro crescer o que pode te fazer a não querer parar mais de guardar.

Preparado para “sofrer” os efeitos colaterais?

Photo by Fauzan Saari on Unsplash

Leia também

Deixe seu comentário

Comece a poupar com a Grão