Vídeo especial: Do Endividamento ao Investimento Acesse aqui

Guia para cuidar das finanças para quem perdeu o emprego

#crise por Equipe Grão - 8 de Julho de 2020 - tempo estimado de leitura:

Já fazem alguns anos que enfrentamos no Brasil uma situação bastante delicada. Muitas pessoas estão sem trabalhar, perderam o emprego.

Nesse período de pandemia do coronavírus, onde as pessoas precisaram fazer o distanciamento social, naturalmente o problema se agravou.

Os números mais recentes do  IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), ainda em junho, mostram como o problema é grave.

De acordo com o levantamento, cerca de 12 milhões de brasileiros estavam desempregados.

Já na comparação com o início de maio, a população desempregada aumentou em cerca de 2 milhões de pessoas - uma alta de 21% em cinco semanas.

A alta do desemprego foi observada em todas as grandes regiões do país.

Leia também: FGTS 2020: Tudo sobre o saque emergencial

Pessoas sem trabalho e sem procurar por trabalho

Um dado interessante, mas que foge das estatísticas, é que muita gente obedecendo os critérios de distanciamento estão sem emprego entretanto como estão em casa não procurando o trabalho, não constam nos dados de desemprego.

O cenário ainda incerto faz com que muita gente acabe sem saber o que fazer nesse momento, como se portar perante as dúvidas que restam.

Outro dado interessante é que o número de trabalhadores informais chegou a 29,2 milhões em junho, isso mostra, que muita gente está tentando criar algum tipo de renda extra.

Leia também: Cartão de débito ou crédito: 5 razões para preferir o débito

Guia para cuidar das finanças para quem perdeu o emprego

Você já sabe que a Grão é a primeira fintech a trabalhar o conceito de microinvestimentos no Brasil. Aqui, acreditamos que todos podem (e devem) guardar dinheiro.

Essa vertente, nos possibilita ficar muito próximos das pessoas, assim, conseguimos antecipar e prever algumas situações fundamentais como o drama de quem perdeu o emprego.

Queremos ajudar cada vez mais, por isso, hoje lançamos um material importante, que pode ajudar as pessoas na difícil missão de cuidar das finanças em um momento de desemprego.

Todos podem baixar o Guia para cuidar das finanças para quem perdeu o emprego gratuitamente, clicando aqui (Baixe agora!).

O que você vai encontrar no Guia para cuidar das finanças para quem perdeu o emprego

Apesar de o desemprego ser algo que aterroriza muita gente, há algumas coisas que você pode fazer para se precaver, e algumas ações para tomar logo após uma demissão.

Se você não fez o dever de casa e não tem nenhuma reserva de emergências, o nível de tensão será maior.

Você vai precisar tomar decisões importantes e até mesmo cortar aquilo que não for essencial.

Além dessa recomendação no ebook preparamos diversas dicas importantes como a necessidade de buscar uma nova renda, mesmo que seja algo temporário.

No guia vamos falar sobre finanças após uma demissão. O que você deve fazer com relação ao orçamento assim que perde um emprego?

É preciso ser racional e bastante organizado para evitar ao máximo certas dores de cabeça financeiras e usar o tempo para se reerguer.

Aproveite: Clique e baixe agora gratuitamente Guia para cuidar das finanças para quem perdeu o emprego

Perder o emprego: um guia para ajudar a superar

Nós sabemos que perder o emprego é algo muito difícil. Muitas vezes já estamos até prevendo que algo do tipo possa ocorrer, mas até que se efetive, não damos muita importância.

Em outros casos acontece de surpresa, o que é pior ainda pois não temos tempo hábil de nos organizar.

E agora? O que fazer? Como dizem: “As contas não param”. Mas é sempre possível organizar a situação para deixá-la mais simples de ser resolvida.

No Guia você encontrará algumas sugestões importantes para fazer isso, lembrando que apesar da dificuldade, você pode (e vai) dar a volta por cima!

Abra a sua conta na Grão e comece a guardar

A Grão além de oferecer o melhor conteúdo de educação financeira está ao seu lado oferecendo a melhor experiência para guardar dinheiro.

Na Grão, você abre uma conta grátis e pode guardar qualquer quantia a partir de R$ 1. Tudo fácil, e com muita segurança.

Ah, o saldo de sua conta na Grão também pode ser utilizado para o pagamento de boletos, contas de consumo e para fazer recargas de celular. Bacana não é?

Não Grão, diferentemente dos bancos, você não precisa pagar taxa por pacote de utilização da conta, é grátis mesmo.

Foto de Andrea Piacquadio no Pexels

Comentários:

Vídeos

Como começar a sua reserva de emergência mesmo na pandemia?

Como começar a sua reserva de emergência mesmo na pandemia?

Como devo usar minha reserva de emergência?

Como devo usar minha reserva de emergência?

Assista mais vídeos no nosso canal  

Comece a poupar com a Grão

guia-para-quem-perdeu-emprego
Nova call to action
DESAFIO CONTROLE DE GASTOS