Vídeo especial: Do Endividamento ao Investimento Acesse aqui

Desemprego: como controlar as finanças e dar a volta por cima

#desemprego por Equipe Grão - 24 de Julho de 2020 - tempo estimado de leitura:

Mesmo antes do início da pandemia o brasileiro convivia com uma situação pra lá de incomoda: alta taxa de desempregados.

Baixe agora: Guia das finanças pessoais para quem perdeu o emprego

O desemprego é sempre uma situação delicada, afeta a vida das pessoas e suas famílias de forma determinante.

Com o começo da pandemia o problema se agravou e fez com que muita gente passasse a buscar alternativas para controlar as finanças e conseguir buscar uma forma de voltar ao mercado de trabalho.

Leia também: Como fazer uma renda extra e aliviar o orçamento

Números e dados sobre: o desemprego

A pandemia do Covid-19 é um marco triste na história da humanidade. Milhões de pessoas foram infectados e também perderam O mercado sofreu uma série de mudanças em meio a pandemia, entre elas:

  • Aumento de desemprego (atualmente, são cerca de 12,7 milhões de desempregados. Pessoas perderam o emprego (7,8 milhões de postos de trabalho foram perdidos entre março e maio de 2020).
  • Processo de recrutamento e seleção nas empresas se tornaram digitais.
  • Plataformas online de vagas tiveram pico de acesso (Na plataforma Connekt, por exemplo, receberam mais cerca de 226 mil candidaturas, entre elas, 93 mil eram de novos usuários).
  • Aumento na contratação para saúde, varejo e tecnologia.
  • Currículos de papel morreu, todo o processo de busca e recrutamento será online.
  • Adesão ao Home Office e fechamento de escritórios.

Leia também: Como receber o Seguro-desemprego em conta corrente (ou poupança)

Desemprego: como começar a organizar as finanças

Para organizar as finanças é fundamental começar como o próprio nome já diz, com a organização.

É importante ter bem claro o atual cenário financeiro. Existe uma reserva de emergências? Quanto tempo ela pode garantir a manutenção do padrão de vida?

Quais gastos eu posso deixar de fazer nesse momento e através desses cortes aumentar o tempo útil de minha reserva?

É possível, enquanto um novo trabalho não aparece criar alguma fonte de renda provisória, que ajude com as despesas de casa?

São várias perguntas que precisam ser tratadas com bastante responsabilidade, pois são determinantes para conseguir organizar as finanças quando se perde o emprego.

Leia também: Autônomo e freelancer: vale a pena separar a conta pessoal da empresa

Planejamento financeiro um trunfo para organizar as finanças

Não é mistério que a forma mais eficiente de fazer um bom controle financeiro é encontrar uma ferramenta para acompanhar as despesas e receitas.

Muitas pessoas preferem adotar as boas e velhas planilhas financeiras, no Excel que são muito fáceis para editar e são sempre importantes aliadas.

Outros preferem optar por organizadores financeiros e também aplicativos, facilitando o acesso e controle pelo celular.

Não existe certo e errado, o fundamental é fazer algum tipo de controle que seja eficiente e ofereça a oportunidade de medir se os gastos não são maiores do que as receitas.

Se você está buscando uma boa planilha, nós preparamos uma bastante eficiente, um verdadeiro presente para ajudar a controlar seu dinheiro (clique aqui para baixar gratuitamente).

Desemprego: a importância de organizar as finanças pessoais

Acreditamos que a educação financeira é uma grande aliada para todos os momentos da vida, principalmente quando existe uma dificuldade como perder o emprego.

Para oferecer uma ajuda determinante, nós preparamos um super Guia para quem perdeu o emprego e precisa organizar as finanças.

O Guia é recheado de dicas que vão até auxiliar na formação de renda extra e na busca por uma recolocação, o material é realmente muito rico e com linguagem simples e direta.

O Guia está disponível para todos e totalmente gratuito. Para acessar o guia basta clicar aqui a fazer o download imediatamente!

A Grão sempre estará ao seu lado

Sabemos que o momento é difícil, justamente por isso redobramos nosso esforço em oferecer cada dia mais conteúdo transformador.

Nesse momento é necessário redobrar os cuidados e fortalecer ainda mais o hábito de guardar dinheiro e ajustar o orçamento.

A pandemia serviu para mostrar às pessoas como uma reserva financeira pode ser determinante para ajudar na travessia de momentos de crise.

Não se esqueça, a Grão estará sempre ao seu lado, por isso vale mais uma vez o lembrete. Invista em seu futuro, guarde mesmo que seja R$ 1 hoje!

O hábito de guardar dinheiro é o que te fará crescer cada vez mais e realizar seus sonhos.

Se você perdeu o emprego, levante a cabeça! Tenha certeza que o barco precisa continuar em frente e que você pode superar mais esse momento.

Até a próxima!

Foto: Pedro Ventura / Agência Brasília (Portal Fotos Públicas)

Comentários:

Vídeos

6 melhores dicas de finanças pessoais e educação financeira

6 melhores dicas de finanças pessoais e educação financeira

Como devo usar minha reserva de emergência?

Como devo usar minha reserva de emergência?

Por que ter um objetivo faz tanta diferença na hora de guardar dinheiro

Por que ter um objetivo faz tanta diferença na hora de guardar dinheiro

Como começar a sua reserva de emergência mesmo na pandemia?

Como começar a sua reserva de emergência mesmo na pandemia?

Assista mais vídeos no nosso canal  

Comece a poupar com a Grão

guia-para-quem-perdeu-emprego
auxilio-emergencial
DESAFIO CONTROLE DE GASTOS