Bicicleta - Ana Polegatch - Grão

Como comprar sua bicicleta sem estourar o orçamento

Muita gente tem o sonho de comprar uma bicicleta e sair pedalando por aí, mas não sabe como chegar lá. A Grão conversou com a ciclista Ana Polegatch, 11 vezes Campeã Brasileira Elite e Hexacampeã da Volta Feminina do Brasil.

Nesse papo, a Ana trouxe diversas dicas para quem quer saber mais sobre preço de bicicletas e roupas para ciclismo. Então confira tudo aqui.

Conheça mais sobre Ana Polegatch

Ana Polegatch é atleta de ciclismo há 18 anos. Ela já competiu, por exemplo, o Tour de France, Giro D’Itália e outras grandes provas do circuito mundial na elite feminina.

Conforme dissemos acima, ela coleciona inúmeros títulos. E além de ser atleta profissional, Ana também traz muitos conteúdos de qualidade nas redes sociais:

“Quando comecei, eu tinha uma bike de mercado, Sundown, que o meu pai me deu de presente de 13 anos. Foi com ela que eu corri minha primeira prova no ano seguinte. Peguei um capacete emprestado e fui. Levei um ano para trocar de bicicleta”, afirma.

“Depois, juntei dinheiro e um ano depois comprei minha primeira bicicleta de alumínio. Fui competir e ganhei. Conforme o tempo foi passando, fui seguindo essa fórmula: economizar, investir e trocar a bicicleta”, explica.

Bicicleta - Ana Polegatch - Grão
instagram.com/ppolegatch

Em resumo, a Ana afirma que o caminho para quem quer comprar bicicleta é:

Ou seja, é possível ter a bike dos sonhos precisa de planejamento. Quanto você precisa economizar por mês e por quantos meses para atingir o seu objetivo.

No aplicativo da Grão, você cria seu objetivo, define quanto vai juntar mensalmente e por quanto tempo. 

Em seguida, o app te estimula a guardar com frequência para você ficar mais perto do seu sonho.

Preço de bicicleta

De acordo com a Ana Polegatch, existem bicicletas para todos os bolsos. Para ciclismo de estrada há bike speed simples de entrada com preço entre R$ 2.000 e R$ 3.000.

Entretanto, uma pesquisa na internet mostra bicicletas de mercado com preços a partir de R$ 500. Essas são bem mais simples e servem para os passeios dentro das cidades para os iniciantes.

A primeira dica da Polegatch nesse ponto é comprar com quem entende. “Um erro muito comum é comprar uma bicicleta que não é compatível e fazer o bike fit só depois da compra”, conta.

A saber, bike fit é o ajuste para adequar a bicicleta ao tipo físico do ciclista. Assim, o tamanho das pernas, dos braços e do tronco vão definir a bicicleta compatível para cada pessoa.

“Quando a pessoa usa uma bicicleta que não é compatível, isso pode causar dores e reduzir a performance. Dessa forma, o ciclismo não vai ser uma atividade prazerosa”, afirma Ana.

Por isso, a dica da Pole é comprar sua bike em uma loja de bicicleta especializada.

Roupas de ciclismo

Além da bicicleta, lembre-se do equipamento de segurança e das roupas para praticar o ciclismo.

Em primeiro lugar, o capacete é um item fundamental de segurança e proteção para o ciclista. Então, sempre que for pedalar, lembre-se de usar o capacete.

Ele precisa ser confortável e, ao mesmo tempo, deve ficar bem ajustado à sua cabeça. Existem diversos modelos de capacete com preço a partir de R$ 100.

Para quem vai pedalar nas estradas, outro item de segurança são os óculos. Com eles, você protege seus olhos de poeira e insetos, além dos raios solares.

Além disso, Pole dá a dica de investir na bermuda de ciclismo com forro, para maior conforto ao pedalar.

Outra parte importante das roupas de ciclismo, especialmente no inverno, são as blusas e calças. Assim, você não deixa de pedalar nem no frio.

Bicicleta - Grão
Crédito: Fabricio Macedo FGMsp por Pixabay

Como comprar bicicleta speed?

Conforme as dicas da Ana Polegatch, o caminho para comprar sua bicicleta, seja speed ou MTB passa por:

  1. Planejamento: saber o quanto a bicicleta que você quer comprar custa e por quanto tempo você vai juntar.
  2. Organização: seja fazendo renda extra ou economizando no dia a dia, como você vai juntar o dinheiro.
  3. Investimento: não deixe o seu dinheiro parado na conta corrente, nem na poupança. Guarde seu dinheiro de forma que ele esteja rendendo todos os dias.

Dia do Ciclista

Os ciclistas têm várias datas para chamar de suas. O Dia Nacional do Ciclista é celebrado extraoficialmente no dia 19 de agosto.

Infelizmente, a data marca o atropelamento e consequente morte do ciclista Pedro Davison. Em 2006, ele foi atropelado por um motorista alcoolizado enquanto pedalava em Brasília (DF).

Já a Confederação Brasileira de Ciclismo instituiu o dia 8 de dezembro como a data oficial do Ciclista. Isso porque esse é o dia da padroeira dos ciclistas, Madonna Del Ghisallo.

Por outro lado, o Dia Mundial da Bicicleta é comemorado no dia 3 de junho.

Respeito

Conforme dissemos acima, o Dia Nacional do Ciclista é uma lembrança do risco que os ciclistas correm todos os dias.

É preocupante a quantidade de atropelamentos de ciclistas que acontecem em nosso país.

Um projeto pioneiro, estimulado pela Ana Polegatch, começou um treinamento com os motoristas de caminhão da Minalba.

A ideia do projeto é gerar mais empatia no trânsito e ter um convívio em harmonia nas estradas.

Agora, a meta é expandir o treinamento para as concessionárias de rodovias e outras empresas com frotas de caminhões.

Conclusão: compre sua bicicleta de forma consciente

Agora que você já sabe como comprar sua bicicleta sem estourar o orçamento, lembre-se de pedalar sempre em segurança.

E se você quer melhorar suas finanças, conte com a Grão, a conta digital para guardar dinheiro. Todos os dias trazemos dicas de educação financeira nas nossas redes sociais: Instagram, Facebook e YouTube.

Por fim, baixe grátis o aplicativo Grão e comece agora a juntar dinheiro! Com o Pix, você transfere mais rápido e sem pagar nada. O app é gratuito e está disponível nas principais lojas de aplicativos Google Play ou App Store.

Leia também

Deixe seu comentário

Comece a poupar com a Grão